Mazza Analisa: Filme x Livro O Hobbit

30 de janeiro de 2015
Iae galera, tudo bem?! Conheci a pequena Laysa há um tempo e desde então, o blog. Parcialmente o visitava, lia e opinava em alguns posts, até que no dia quatorze de janeiro, na coluna “Pega a pipoca que tem indicação de filme”  li uma resenha muito boa sobre O Hobbit e aproveitei para expor meu ponto de vista em um comentário, com isso sensualizei a Laysa com minha escrita, e ela me ofereceu pra postar algo aqui, como já relatado em meu comentário, a diferença gritante entre o livro e o filme do HOBBIT.
Sobre quem os escreve: Sendo rápido, Me chamo Thiago Mazzante, mas me chamem de Mazza, acabo de completar meus 28 anos, sou Fotografo há 11 anos, Nerd, Gamer e apaixonado por HQs e Mangás.


O HOBBIT Livro x Filme 



Inicialmente já digo que haverão sim Spoilers, caso ainda não tenha assistido ou lido, corre que ainda dá tempo, caso não ligue pra isso prossiga, pois garanto que nada do que eu escreva aqui poderá estragar o prazer de ler/assistir a obra!
Para uma breve explicação, deve-se deixar claro que a obra original o Hobbit foi alterada varias vezes, incluindo capítulos que não existiam inicialmente (riddles in the dark/charadas no escuro, por exemplo) e que foi escrita para o público infantil. O que Peter Jackson fez foi transpor a obra para um filme, porém mantendo um clima denso e Épico semelhante ao SdA, e conseguiu com maestria, porém para isso ele teve que mudar algumas coisinhas, vamos aos fatos:

Começarei a minha implicação pela caracterização dos anões. No livro os anões são citados como criaturas “parrudas”, uma raça resoluta, rígida e um tanto teimosa. Suas barbas são imensas assim como seus narizes e suas faces com marcas de guerra, já no cinema, alguns deles foram retratados como galãs demais, Thorin escudo de carvalho por exemplo, mal se parece com um anão, mas subestimaremos isso afinal, no cinema, ele tem que ser galãzinho para o público feminino “gostar”dele. Kili e Fili, os dois irmãos são então uma ofensa a obra, Fili parece um elfo, magro demais, pele lisa demais e uma feição nem um pouco amedrontadora. Kili então nem se comenta,  KILI NÃO TEM BARBA, (fato interessante: no final do livro, quando Bilbo se despede dos anões, uma de suas frases é: “que suas barbas nunca fiquem ralas, pois para eles a barba era algo honrável”) mas também é aceitável pois ele irá futuramente se apaixonar pela Tauriel (vale lembrar que anões e elfos se odeiam), e É AI QUE A COISA DESANDA! Tauriel é uma elfa criada pelo P.J. que não existe na mitologia Tolkieniana e pra piorar a situação ainda colocaram o Legolas pagando uma friendzone monstra para com ela.

 Pra começar o Legolas também não está presente no livro, o que se imagina é que ele foi uma forma de aumentar as vendas do filme no cinema colocando um ator que todo mundo gostou na trilogia SdA. Outra coisa interessante é que AZOG, no livro esta morto, e quem é vivo e comanda o exército de orcs é seu filho BOLG, que também está no filme, porém mais como vilão secundário. BOLG se torna rival direto de Legolas e como imaginado, Legolas o mata, salvando assim Tauriel. Na obra original quem mata Bolg é o Beorn, um transmorfo que se transforma em um urso negro gigante. No filme Fili, Kili e Thorin (os três anões galãs) morrem, porém cada um de uma forma, Fili morre em uma armadilha feita pelos orcs do exercito do AZOG, Kili Morre pro BOLG, gratuitamente tentando salvar Tauriel. E Thorin morre após matar AZOG. No livro é um pouco mais trágico, Se não me engano, Thorin não consegue furar a defesa de BOLG, e os dois irmãos morrem tentando proteger Thorin, que também é ferido mortalmente, morrendo algumas horas depois da guerra acabar e de se despedir de Bilbo. Tom Bombadil que é de suma importância na história do livro foi cortado do filme, mas confesso que não achei tanta falta dele.

O filme é mal editado, depois de Erebor ser defendida do ataque inimigo, de Thorin ter sido morto, e de tudo acabar, bilbo simplesmente se despede dos anões e vai embora, não conta o que acontece depois (um pequeno detalhe: pode ser que isso seja incluído na versão estendida, já que existem cenas no trailer que não são mostradas no filme como o exercito de anões atacando em cima dos bodes de guerra). Já no livro, antes disso tem a repartição do tesouro que se encontra em Erebor, O sepultamento de Thorin junto da pedra Arken, tornando-se novamente o coração da montanha, Thranduil, pai de Legolas, consegue de volta suas bijuterias (Esmeraldas de Girion) para se tornar a diva máster da terra média (tá gente, é zueira) e o povo da cidade do lago futuramente reconstruirá sua cidade. Só depois de todos esses fatos, Bilbo volta ao condado. Dependendo da versão do livro do hobbit, ele volta com um simples anel mágico, que inicialmente não é explicado ser o UM ANEL. Já no final do filme fica forçado a forma que Gandalf sabe que Bilbo esconde o Anel, porém ignora-o imaginando que Sauron foi destruído por Saruman após a batalha acontecida em Dol Guldur, esta cena não é descrita no livro com detalhes, Gandalf cita que ouve uma batalha lá, mas não diz a importância daquela batalha, diferente no filme que conta detalhadamente que o Necromante é o próprio espírito de Sauron e que lá ele já controla os Nove Nazguls (Três anéis para os Reis Elfos debaixo do céu, Sete para os Senhores dos Anões nos seus palácios de pedra, Nove para os Homens Mortais condenados a morrer...) que dá uma ótima conexão com a futura trilogia.

Pois bem, sobre minhas considerações finais, o livro e o filme são incríveis e é de suma importância para aqueles que gostaram da trilogia SdA. A história é a mesma, porém com algumas diferenças, mas sabemos que hoje em dia, é muito difícil fazer um filme idêntico ao livro, existe muita burocracia, patrocinadores e acima de tudo, o filme precisa vender. Bom, peço desculpas por ter escrito muito, mas existem ainda muitas diferenças, mas foquei nas mais importantes, com isso, a mitologia Tolkieniana chega ao fim nos cinemas, e o que nos resta é apenas é dizer nosso muito obrigado ao trabalho fantástico que P.J. fez com a canção épica que Billy Boyd,nosso pequeno hobbit, Pipin, fez para se despedir da terra média.



Post feito pelo Thiago Mazzante, encontre ele no facebook.


● 

 Acompanhe também as redes sociais
  Facebook | Fanpage | Youtube | Instagram | Twitter | Google+

19 comentários

  1. OOoi,

    Eu não sou fã de SdA ou Hobbit, meu namorado tentou, tentou e tentou, mas não dá, não consigo gostar nem me concentrar na história :(
    O post ficou ótimo!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Não assisti nem li O Hobbit ainda mais gostei de saber mais da história ^^

    Um beijo grandããão!!
    Cá do Aquela Princesa

    ResponderExcluir
  3. Eu não assisti e nem lí ainda. Vejo tanta gente falando... Mas, eu não tenho nenhuma vontade de ver hahaha
    Mas, parabéns pelo post.
    Beijoos
    www.livinganamericanlife.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Por acaso é um filme e livro que ainda não vi nem li.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  5. Oi, eu nunca li, ou vi o filme, acho interessante essas análises sobre o livro x filme é sempre bom . Eu continuo achando que seja qual seja o filme que é adaptado é melhor ler primeiro.

    Beijoss

    http://redandvintage.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "O diário de uma paixão" eu preferi o filme! ahhaha

      Excluir
  6. Confesso que não é o tipo de livro ou filme que eu curto, mas fiquei interessada agora.
    Beijos

    http://diadespa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Adorei a sua comparação com o livro e o filme, eu estava assistindo e achando tudo o máximo, só depois que saí do cinema comecei a raciocinar e ver essas diferenças, mesmo PJ tendo mudado bastante, eu gostei do filme, mas é claro que prefiro o livro!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li o livro, mas o filme é realmente incrível. É um dos melhores que já vi.
    Só vi o primeiro até agora. Preciso, urgentemente, ler os demais.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de janeiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que seria melhor ter parado n'O Senhor dos Anéis.
    Beijos! http://grgea.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu sempre acho o livro mais interessante que o filme, não curti o filme quando assisti, mas não li o livro..
    http://geoaraujoand.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Esse livro parece ser muito interessante, vou ver se encontro por aqui.
    Muito boa a indicação querida.

    Beijocas,

    www.nossoglamour.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Nunca li, nem assisti, nunca tive muita vontade.
    Maaaas, devo confessar que agora fiquei curiosa pra assistir, parece ser legal.
    Beijos!
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá! Quem é fã do Hobbit é meu namorado, eu apenas acompanho o vício dele nos cinemas rs Mas confesso que gosto bastante da história e que ela é bem interessante!

    Beijinhos,

    Bia - Blog Escrevendo Mundos

    ResponderExcluir
  14. Gostei da comparação, ainda não li o livro, mas o filme está no meu pen drive para ver só que ainda não tive tempo :(

    Beijos, Jell e Marcelo
    www.urbanoeretro.com.br

    ResponderExcluir
  15. Resenha maravilhosa eu ainda não li e nem assisti
    mais amei a dica, tenha uma semana abençoada.
    Vídeo Novo: https://www.youtube.com/user/NekitaReis/channel

    ResponderExcluir
  16. Assumo que não li o livro e amei saber dessas curiosidades. Fiquei até curiosa para ler. Amei o filme e ele me conquistou. Desejando o livro agora.

    Beijos
    http://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Meu irmão leu o livro e não gostou do filme justamente por causa dessas mudanças. Mas não imaginava que seriam tantas mudanças assim.

    http://www.eucurtoliteratura.com/

    ResponderExcluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.